Noticias | Informação

Motoristas devem reforçar atenção com segurança nas praças de pedágio

20/06/18

Lei determina que cancelas das vias automáticas sejam retiradas

 

Lins, 19 de junho de 2018 – A Lei nº 16.768, publicada hoje no Diário Oficial do Estado de São Paulo, determina a retirada das cancelas das pistas de pagamento eletrônico de pedágio em todas as rodovias paulistas. A lei foi promulgada pelo presidente da Assembleia Legislativa depois que a casa derrubou veto do governador.

Nessa condição, a ViaRondon retirou todas as cancelas das pistas de pedágio eletrônico e reitera alertas da Artesp – Agência de Transporte do Estado de São Paulo, que coordena e fiscaliza o Programa de Concessões de Rodovias paulistas sobre as questões de segurança.

Os usuários devem reforçar a atenção para a sinalização e para o limite de velocidade, com o objetivo de evitarem acidentes. Obedecer às leis de trânsito é fator fundamental para que acidentes não ocorram.

As vias possuem sinalização de velocidade que se reduz gradativamente na aproximação das praças de pedágio, de forma que o veículo chegue à cabine a uma velocidade de 40 km/h, considerada minimamente correta e segura. Nas vias de pedágio eletrônico, além de 40 km/h é imprescindível que o motorista mantenha seu veículo a uma distância mínima de 30 metros do veículo à sua frente.

A existência da cancela inibia chegada à praça em velocidade superior aos 40 km/h.  Agora, o controle para evitar acidentes é do condutor do veículo e esses parâmetros precisam ser respeitados.

Além disso, a via de pedágio eletrônico é exclusiva para veículos que possuam o TAG de leitura automática afixado corretamente no para brisa do veículo, o que significa seguir as recomendações abaixo, principalmente porque a passagem de veículos com o TAG irregular ou sem crédito vai caracterizar evasão de pedágio (infração prevista no Artigo 209 do Código de Trânsito Brasileiro), cuja multa é de R$ 195,23 e cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação.

As pistas automáticas da ViaRondon operam com as seguintes empresas: Sem Parar, ConectCar, DBTrans, Move Mais e Veloe. Os funcionários da concessionária presentes nas praças de pedágio poderão orientar e auxiliar os usuários.

O essencial, entretanto, é que os usuários estejam atentos à sinalização e as seguintes orientações gerais:

 

·         As pistas são exclusivas para veículos com tag ativo. Assim, mantenham seu dispositivo “tag“ instalado de forma correta e verifique seu saldo e a regularidade junto à operadora;

·         Nas aproximações das praças de pedágio os usuários deverão atentar para a redução gradativa da velocidade regulamentada e manter a distância segura dos demais veículos;

·         Com o tag ativo e regular, na entrada e passagem pela pista automática, mantenha velocidade constante e dentro dos limites definidos – 40 Km/h;

·         O semáforo de fiscalização passará do vermelho para o verde indicando a regularidade da passagem;

·         Caso o semáforo se mantenha no vermelho o usuário deverá parar e aguardar orientação do funcionário da concessionária;

·         Com a retirada das cancelas das vias automáticas, os usuários deverão atentar ainda mais a sinalização semafórica existente em todas as praças de pedágio.

 

A segurança das rodovias de São Paulo sempre é uma prioridade para a Artesp e para as concessionárias paulistas, o que inclui a passagem pelas praças de pedágio.

 

Sobre a ViaRondon:  A ViaRondon é responsável, desde maio de 2009, pela administração de mais de 416 Km do Corredor Marechal Rondon Oeste no Estado de São Paulo. A concessionária gerencia o trecho que compreende 331,13 km da Rodovia Marechal Rondon SP-300 (entre o Km 336,5 em Bauru até o km 667,6 em Castilho) e, também, 23 rodovias de acessos (SPA´s) que totalizam 85,5 km. A concessão é por 30 anos.

 

Mais informações para a imprensa:
Claudio Luiz de Carvalho – MTb 14.896

Rua João Moreira da Silva, 509 - Jardim Americano
CEP: 16400-660
Lins/SP Tel: +55 (14) 3533 2650

comunicacao@viarondon.com.br